Ebooks

INFORMAÇÃO IMPORTANTE
Infelizmente o 4shared bloqueou o acesso a conta onde eu armazenava os e-books (aparentemente tem algo haver com direitos autorais). Assim que tiver um novo site para armazenamento enviarei os links.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

As sete personalidades mais influentes da fisioterapia ortopédica - Segundo Lugar: James Henry Cyriax.

James Henry Cyriax, M.D.
É provável que Henry James Cyriax, MD (1904-1985) tenha tido mais influência sobre os outros nomes na lista do que qualquer outro indivíduo. Sua influência sobre o campo de ortopedia, fisioterapia, chiropratica, massagem é profunda.
James Cyriax era um ortopedista britânico considerado o pai da medicina ortopédica. Formou-se em medicina no St Thomas's, em 1929, tornando-se um especialista (membro do Royal College of Physicians, MRCP) em 1954. Ele era completamente apaixonado por sua profissão, ao ponto de certa vez quando questionado se era religioso, ele respondeu: "eu acredito em Medicina Ortopédica." Cyriax acreditava que os fisioterapeutas eram os profissionais mais aptos para aprender técnicas manipulativas devido ao seu treinamento e sua estreita ligação com a medicina.
O Hospital St. Thomas's é um dos principais hospitais de Londres. James Cyriax percebeu que o trabalho no departamento de fisioterapia deste hospital consistia apenas em "calor-massagem-exercícios", obviamente sem obter resultados muito satisfatórios. Ele queria mudar, queria transformar o fisioterapeuta "indiferente" em fisioterapeuta "eficiente". Cyriax foi “o médico” que atualizou tanto a fisioterapia quanto a sua profissão. Ele estimulava a intensa e freqüente colaboração entre médicos e fisioterapeutas, cada um com suas próprias responsabilidades. Curiosamente esta mentalidade de interdisciplinaridade foi defendida há mais de 45 anos, e ainda hoje permanece atual (embora pouco praticada).

O seu maior legado a ambas as profissões é encontrado em seu livro clássico Orthopaedic Textbook of Medicine, Volume I, publicado originalmente em 1954. Neste livro ele estabeleceu as bases de um método lógico, clinicamente fundamentado de diagnóstico diferencial, o que ele chamava de "testes seletivos da tensão tecidual" utilizado para identificar o tecido específico (músculos, tendões, ligamentos, etc) responsável por uma dor ou disfunção de movimentos específicos. Esta filosofia clínica irrevogavelmente mudou a maneira como a terapia manual ortopédica era pensada, ensinada e praticada.
Cyriax estudou e escreveu sobre o conceito de dor referida. Ele também foi um dos primeiros a reconhecer o disco intervertebral como uma possível fonte de dor nos membros e coluna vertebral. Ao longo de sua vida escreveu extensivamente sobre os seus métodos de tratamento que consistiam em manipulações, massagens, tração e injeção. A técnica de massagem transversa profunda ainda hoje é largamente utilizada.
Os livros do Dr. Cyriax ainda são para muitos, a "Bíblia" da medicina ortopédica. Desde a sua morte, houveram grandes mudanças no ensino da fisioterapia ortopédica. Contudo, sua valorosa contribuição para a fisioterapia ainda hoje pode ser percebida, pois muitas de suas idéias permeiam conceitos conhecidos de terapia manual como por exemplo o método Kaltenborn, o conceito Maitland, Mob. Neural, e na técnica de tenofibrólise entre outros.
Fontes:
A History of Manipulative Therapy
Site: Physiobd.info

Nenhum comentário: