Ebooks

INFORMAÇÃO IMPORTANTE
Infelizmente o 4shared bloqueou o acesso a conta onde eu armazenava os e-books (aparentemente tem algo haver com direitos autorais). Assim que tiver um novo site para armazenamento enviarei os links.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Mitos e Lendas da Fisioterapia - Uso de luvas com água na prevenção de Úlceras de Pressão

Olá pessoal, 
Hoje trago o resultado de mais uma pesquisa sobre Mitos e Lendas da Fisioterapia. A lenda de hoje é sobre o uso de luvas de procedimento cheias de água na prevenção de úlceras de pressão. Infelizmente uma conduta ainda bastante popular, embora ineficaz e potencialmente danosa ao paciente.

A prevenção do surgimento de úlceras de pressão é um assunto exaustivamente pesquisado pela enfermagem, e isso não é à toa não. É muito melhor prevenir do que tratar uma úlcera de pressão. Isso tanto em termos de prevenção do sofrimento e morbidade quanto de custos com a ocupação de leito, insumos e o risco de infecção hospitalar. De fato, foi uma enfermeira que me alertou sobre os riscos do uso de luvas de água cheias de ar ou água.
Mas voltando ao assunto: Não sou só eu que digo que as luvas são contra-indicadas. O Grupo de Estudos e Pesquisa em Segurança do Paciente, da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto - USP disponibiliza algumas diretrizes de prevenção e tratamento que citam claramente que o uso de luvas com água, pele de carneiro sintética, pele de carneiro natural e almofadas tipo roda d’água ou ar NÃO devem ser utilizados para aliviar a pressão.

Esta recomendação é baseada no trabalho "Using water-filled gloves for pressure relief on heels" publicado no Journal of wound care em 1993. (infelizmente não tive acesso ao original, mas conto com a descrição em uma dissertação de mestrado da USP disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-07102009-145047/pt-br.php e que segue abaixo:

O autor desta pesquisa conduziu um estudo para avaliar a pressão externa exercida sobre o calcâneo quando este era apiado em duas superfícies diferentes: O próprio colchão do leito hospitalar e sobre uma Luva de látex preenchida com 260ml de água. Esta pesquisa foi feita com 40 sujeitos de um hospital geral. A pressão média na interface com o calcâneo colocado no colchão padrão hospitalar foi de 126,5mmHg e na luva d´água foi de (pasmem!) 144,6mmHg , o que representa um aumento médio de pressão de 12, 5%. Concluindo: a luva d´água não só não cumpre o papel de alívio como aumenta a pressão sobre a região apoiada. 
(Williams, C. Using water-filled gloves for pressure relief on heels. Journal of wound care. London, v.2, p.345-8, 1993)

Portanto, Senhoras e Senhores, o Mito do uso de Luvas com água na prevenção de úlceras de decúbito está Detonado.

8 comentários:

Anônimo disse...

E então Hunberto... o que devemos utilizar para aliviar essa pressão?

disse...

Nunca imaginaria isso...e agora? o que faremos? rsrs
Pois é muito difícil que nos leitos a mudança de decúbito ocorra periodicamente, como recomendado para evitar as úlceras...
Sempre pensei que as luvas fossem uma excelente opção, de baixo custo e muito fácil de encontrar.Mas, ao que se deve esse aumento de pressão?
Pois a superfície da luva é tão fina...Fiquei surpresa com esse estudo, mas está aí uma brecha para que possamos procurar outras alternativas para nossos pacientes!

Laura Macedo disse...

Estou meio longe da Fisioterapia propriamente dita, mas achei interessantíssimo o texto, o estudo.
Ademais, a informação é importante.
Vou colocar no meu BLOG, okay? Mas obviamente citando a origem.
Att.,
Laura ;)

Humberto disse...

Prezado(a) Anônimo(a).
Para a prevenção das úlceras de pressão o melhor é seguir as recomendações descritas no site da USP de cuidados com feridas.
Dê uma lida, pois o link está na postagem

Ft. Lívia Sousa disse...

Eu costumo dizer que é no ambiente hospitalar que o fisioterapeuta, tem a maior e menos utilizada função na prevenção de úlceras de pressão,simplesmente porque ele não utiliza o instrumento fundamental de seu trabalho: as mãos.
Ninguém melhor que nós e em nenhuma outra área há tamanha variedade de técnicas de mobilização de tecido mole, técnicas que se utilizadas previnem o aparecimento de úlceras de pressão, porém na grande maioria das unidades hospitalares nosso conhecimento para prevenção e nossos recursos para tratamento dessas lesões sequer são cogitados.
Ah! E quanto a recomendação da Agency for Health Care Policy and Research-AHCPR de:Evite massagens nas proeminências ósseas. Antigamente acreditava-se que a massagem em regiões com hiperemia auxiliavam a melhorar o fluxo sanguíneo. As evidências atuais sugerem que massagem pode causar mais danos.Vamos as ressalvas: regiões com hiperemia são úlceras estágios 1 portanto não há o que prevenir e sim tratar,estágio em que o laser, recurso cuja utilização é da nossa alçada,oferece uma resolução extremamente rápida e eficiente.
Mas tudo evolui e eu ainda vou ver (se Deus permitir) muitos fisioterapeutas, não mais saindo de fininho quando um curativo é retirado e sim envolvidos nessa especialidade de corpo e alma.

RODRIGO QUEIROZ disse...

Que discussão maravilhosa. A querida Dra lívia chama atenção para um aspecto fequentemente negligenciado por nós...
Humberto parabéns

Danielle - Bolsista do Projeto Pele Sã disse...

Oi pessoal, sou estudante de enfermagem e participo de um projeto que visa prevenir e tratar as úlceras por pressão.
Infelizmente as luvas d'água existem na nossa realidade, mas estamos tentando extinguir essa prática usando outros métodos que realmente previnam esse mal. Respondendo uma postagem, o que podemos fazer para aliviar essa pressão é simplesmente retirar a pressão, deixando os calcâneos flutuantes. Podemos conseguir isso colocando um coxin (travesseiro, lençol ou toalha enrolada) em baixo das panturrilhas, elevando assim os calcâneos. podemos também dobrar o colchão para baixo que provoca o mesmo efeito. o importante é deixar os calcâneos flutuantes. Não esquecer de mudar as posições a cada duas horas, evitar dobras no lençol, não arrastar o paciente no leito e evitar umidade.
Visitem o nosso Blog:
http://projetopelesa.wordpress.com/2012/03/26/projeto-pele-sa-promove/

Anônimo disse...

Cada dia que passa amo mais vcs... e olhem que já são 20 anos cuidando de vidas...e todo dia para mim é emocionante...Parabéns a todos !!!